Aprendo mais com abelhas do que com aeroplanos.
É um olhar pra baixo que eu nasci tendo.
É um olhar para ser menor, para o
Insignificante que eu me criei tendo.
O ser que na sociedade é chutado como uma barata
- cresce de importância para o meu olho.

Ainda não entendi porque herdei esse olhar para baixo.
Sempre imagino que venha de ancestralidades machucadas.
Fui criado no mato e aprendi a gostar das coisinhas do chão
- antes que das coisas celestiais.
Pessoas pertencidas de abandono me comovem:
tanto quanto as soberbas coisas ínfimas.
Manoel de Barros
in "Retrato do Artista quando Coisa" (1998)

Notícias sobre o IELT

Sabores do Algarve no MEMORIAMEDIA

Já estão em linha as primeiras receitas recolhidas pelo MEMORIAMEDIA em Tavira, em colaboração com o Museu Municipal de Tavira, no âmbito do estudo e inventariação da Dieta Mediterrânica.

Nova edição LITESCAPE.PT

Eco de Dias Submersos - Uma Leitura de Rio Homem de André Gago, do investigador do IELT Carlos Augusto Ribeiro, é o 5.º título LITESCAPE.PTLigação externa. A colecção do projecto Atlas das Paisagens Literárias de Portugal ContinentalLigação externa inclui artigos, ensaios, crónicas e outras narrativas que explorem a relação entre a paisagem e a literatura.

Avaliação e novo IELT

O ano começou com a divulgação da avaliação da FCT às Unidades de Investigação, na qual o IELT foi classificado com Muito Bom. Esta é também uma altura de profunda remodelação interna, com a transformação do IELT - Instituto de Estudos de Literatura Tradicional no IELT - Instituto de Estudos de Literatura e Tradição.

Votos de Boas Festas em forma de "Revista do Ano" (vídeo)

Partilhamos em VÍDEO registo de alguns dos eventos organizados e co-organizados pelo IELT – Instituto de Estudos de Literatura Tradicional da FCSH/UNL em 2014.

© 2015 IELT - FCSH/UNL. Todos os direitos reservados. Webmaster